VAMOS LÁ SABER COMO É...

sábado, 22 de janeiro de 2022

SÃO VICENTE - MADEIRA - HOJE É FERIADO - 22 DE JANEIRO DE 2022

 

São Vicente (Madeira)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
São Vicente
Município de Portugal
St Vicente.jpg
Igreja matriz, na vila de São Vicente
Brasão de São VicenteBandeira de São Vicente
Localização de São Vicente
Gentílicosão-vicentino
Área78,82 km2
População5 723 hab. (2011)
Densidade populacional72,61 hab./km2
N.º de freguesias3
Presidente da
Câmara Municipal
José António Garcês (Ind.)
Mandato 2013-2017
Fundação do municípioPovoamento:
finais do séc. XV
Elevação a vila e sede de concelho:
25 de agosto de 1744 (277 anos)
Região AutónomaMadeira
IlhaMadeira
Antigo DistritoFunchal
OragoSão Vicente de Saragoça
São Vicente Mártir
Feriado municipal22 de janeiro (São Vicente)
Código postal9240 - São Vicente
Site oficialwww.cm-saovicente.pt

Município de São Vicente[1] é um município português na ilha da MadeiraRegião Autónoma da Madeira, com sede na vila de São Vivente que deu nome ao município e à freguesia de que faz parte.

Com 78,82 km² de área e 5 723 habitantes (2011), subdividido em 3 freguesias, o município é limitado a leste pelo município de Santana, a sul por Câmara de LobosRibeira BravaCalheta e Ponta do Sol, a oeste pelo Porto Moniz e a norte tem litoral no oceano Atlântico.

Foi neste concelho que nasceu o ilustre escritor madeirense Horácio Bento de Gouveia, nomeadamente na freguesia de Ponta Delgada.

Toponímia

A atribuição do nome São Vicente deve-se ao facto de, segundo a lenda, este santo ter aparecido na cova de um rochedo, à foz da ribeira, de modo que lhe edificaram uma capelinha, sendo um santo de grande devoção.

História

Provavelmente, o povoamento de São Vicente ocorreu em meados do século XV, tendo sido colonizado mais tarde do que a encosta sul da ilha por razões de maior fertilidade e facilidade de desbravamento desta última.

Os primeiros locais a serem povoados terão sido São Vicente e Ponta Delgada, respetivamente.

O progressivo aumento da sua população terá contribuído para o desmembramento de São Vicente da capitania de Machico, sendo elevada a vila e sede de concelho, por alvará régio de 25 de agosto de 1774. As atuais freguesias do Porto MonizSeixalArco de São Jorge e São Jorge estiveram sobre a sua alçada.

Em 1835, uma reestruturação conduziu ao aparecimento de dois novos municípios, Santana e Porto Moniz, o que fez reduzir a área do concelho de São Vicente. Porém, esta situação durou pouco já que, por decreto, em 1867 São Vicente regressa à extensão inicial. Novamente, em 1898, com o restabelecimento dos municípios extintos, o concelho volta à atual área.

Atualmente, o concelho regista um desenvolvimento do setor turístico, aliado ao turismo rural.

Clima e relevo

São Vicente possui um clima oceânico, com uma temperatura média que ronda os 24 °C no verão e os 17 °C no inverno.

Quanto ao relevo apresenta uma morfologia bastante acidentada, tendo algumas elevações com altitudes superiores a 1 000 m, como a Bica da Cana (1 620 m), o Paul da Serra (1 445 m), o Pico do Cedro (1 026 m), a Rocha Negra (1 299 m), o Estreitinho (1 094 m) e o Casado (1 725 m).

Como recursos hídricos são de destacar a ribeira de São Vicente e a Ribeira Grande.

Economia

No setor terciário predominam as atividades ligadas ao pequeno comércio e aos serviços de hotelaria.

no setor secundário tem-se as indústrias de mobiliário, artefactos, cimento, panificação e extração de inertes e areias.

Por fim, no setor primário sobressai o cultivo de leguminosas para grão, batata, horta familiar, frutos frescos e vinha. De destacar, também, alguma importância à pecuária, nomeadamente na criação de aves, suínos e caprinos.

Cerca de 68% do seu território é coberto por floresta.

População

Número de habitantes [2]
186418781890190019111920193019401950196019701981199120012011
7 5218 3707 7208 1048 5079 1829 68411 47412 52111 60310 0658 5017 6956 1985 723

(Obs.: Número de habitantes "residentes", ou seja, que tinham a residência oficial neste concelho à data em que os censos se realizaram.)

Número de habitantes por Grupo Etário [3]
190019111920193019401950196019701981199120012011
0-14 Anos3 6893 9653 4704 1715 9965 7734 9414 770S/ nome2 4041 4071 011
15-24 Anos1 5361 9072 0932 0572 4743 1682 5221 905S/ nome1 6451 331835
25-64 Anos3 6503 6623 6924 1174 7885 6565 6215 000S/ nome4 7814 2864 047
= ou > 65 Anos4326045215637507028871 175S/ nome1 4721 7801 826
> Id. desconh3212239

(Obs: De 1900 a 1950 os dados referem-se à população "de facto", ou seja, que estava presente no concelho à data em que os censos se realizaram. Daí que se registem algumas diferenças relativamente à designada população residente)

Freguesias e distribuição da população

Freguesias do município de São Vicente.

Segundo os censos de 2001, a população do concelho totaliza 6 198, distribuídas pelas três freguesias da seguinte maneira:

  1. Boa Ventura: 1 537 hab.
  2. Ponta Delgada: 1 325 hab.
  3. São Vicente: 3 336 hab.

Património edificado

Geminações

A vila de São Vicente está geminada com a seguinte vila-gémea:

Ver também

Galeria

Referências

  1.  Portal do Município de São Vicente
  2.  Instituto Nacional de Estatística (Recenseamentos Gerais da População) - https://www.ine.pt/xportal/xmain?xpid=INE&xpgid=ine_publicacoes
  3.  INE - http://censos.ine.pt/xportal/xmain?xpid=CENSOS&xpgid=censos_quadros
  4.  «Geminações da RAM». Geocities. Consultado em 16 de agosto de 2009. Arquivado do original em 5 de agosto de 2009

Ligações externas

Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre São Vicente (Madeira)


SÃO VICENTE DE SARAGOÇA - 22 DE JANEIRO DE 2022

 

Vicente de Saragoça

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de São Vicente de Saragoça)
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja São Vicente.
São Vicente de Saragoça
São Vicente atado à coluna (século XV).
Museu Nacional de Arte AntigaLisboa.
Mártir
NascimentoHuescaHispânia Tarraconense (HuescaAragãoEspanha
século III
MorteValentiaHispânia Tarraconense (ValênciaEspanha
c. 304
Veneração porIgreja CatólicaComunhão AnglicanaIgreja Ortodoxa
Festa litúrgica22 de janeiro na Igreja Católica11 de novembro na Igreja Ortodoxa
AtribuiçõesVestes próprias de diácono (dalmática); cachos de uva; instrumentos do martírio; palma do martírio
Padroeirovinicultores, fabricantes de vinagre, Patriarcado de LisboaDiocese do AlgarveSão VicenteValênciaVicenza;
Gloriole.svg Portal dos Santos

Vicente de Saragoça (em castelhanoSan Vicente Mártir) foi um mártir do início do século IV que sofreu o martírio em Valência. Entre as muitas localidades e igrejas de que é orago, contam-se a Diocese do Algarve e o Patriarcado de Lisboa, em cuja  se encontram as suas principais relíquias.

Vida e obras

Na época do imperador romano Diocleciano, o presidente (governador) Públio Daciano moveu na Hispânia uma perseguição aos cristãos. Vicente, diácono, recusou oferecer sacrifícios aos deuses e foi cruelmente martirizado até à morte, que terá ocorrido em 304.

Em Portugal é representado de modos diversos: com palma e evangeliário ou, mais habitualmente, com uma barca e um corvo, porque, de acordo com a tradição, quando, em 1173, o rei Afonso Henriques ordenou que as relíquias do santo fossem trazidas do Cabo de São Vicente (o então «Promontorium Sacrum»), junto a Sagres, para a cidade de Lisboa, duas daquelas aves velaram o corpo do santo que seguia a bordo da barca – facto a que ainda hoje aludem as armas de Lisboa e de muitas outras povoações portuguesas.

Em França, S. Vicente é padroeiro dos vinhateiros e profissões afins, e porta como insígnias um cacho de uvas, para além da palma do martírio.

Ver também

Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Vicente de Saragoça


Etiquetas