Georgetown: melhores dicas do bairro histórico de Washington » Segredos de Viagem

Georgetown: melhores dicas do bairro histórico de Washington


Atualizado em:


Se existe uma palavra para definir Georgetown ela é: charme. Pense em um bairro composto de pequenas casinhas coloridas, todo arborizado, com pequenos restaurantes refinados e uma rua só de compras. Some a isso alguns cafés e lojas de cupcakes, e um parque na beira do rio. Isso é Georgetown, bairro nobre de Washington DC que foi fundado no século XVII, antes mesmo da capital americana ter sido construída ali.

Antigamente Georgetown era uma cidade portuária do estado de Maryland, e só foi incorporada ao Distrito de Columbia algumas décadas depois, se tornando um bairro de Washington.

O que fazer em Georgetown: atrações e nossa sugestão de roteiro a pé

Em Georgetown, além de passear pelas ruazinhas, pode-se também fazer compras e comer bem. Se você ainda não conhece esse cantinho mágico da capital estadunidense, anote todas as nossas dicas.

Em primeiro lugar, para conhecer o que há de melhor no bairro, sugerimos o seguinte roteiro:

mapa georgetown

Confira a seguir uma explicação de cada pedacinho para entender melhor o bairro.

M street e Wisconsin Avenue

A rua mais importante do bairro é a M Street, onde estão as principais lojas e restaurantes e onde fica a maior parte do movimento todos os dias, até umas 8 da noite. A Wisconsin Avenue, que cruza com a M, é também uma importante avenida com mais lojas e restaurantes.

O ideal para aproveitar bem essa região do bairro é seguir pela M Street fazendo algumas entradas estratégicas em ruelas perpendiculares, como mostra o mapa.

M Street em Georgetown, em Washington DC

M Street e suas lojas 

M Street em Georgetown, em Washington DC

Detalhes da M Street

Old Stone House e o canal de Georgetown

A Old Stone house é um monumento histórico e a casa mais antiga de Georgetown. Vale conhecer, mas não perca muito tempo por lá. Na rua logo em frente à Old Stone House está a Thomas Jefferson Street, uma ruazinha bem fofa onde é possível ver o canal.

Essa parte do canal é a que eu acho mais bonita, além de ser onde está localizada a Baked and Wired, um verdadeiro segredo de viagem, pois é um lugar super badalado entre os locais, onde tem os melhores cupcakes que eu já provei. Não se assuste se a fila estiver indo até o lado de fora, é a comprovação de que o lugar é bom mesmo.

O fofo canal visto da Thomas Jefferson street em Georgetown, em Washington DC

O fofo canal visto da Thomas Jefferson Street

Se você seguir o roteiro e subir a Wisconsin Avenue e depois voltar por alguma rua paralela a ela, poderá ver a vida de quem mora em Georgetown. As casinhas são habitadas por famílias e estudantes que mantém a aparência tradicional delas com portas coloridas e pequenos jardins.

Reserve aqui um tour gastronômico por Georgetown

Prospect Street

A Prospect Street é a rua de acesso à universidade de Georgetown e por isso é sempre movimentada de estudantes. Além do movimento dos alunos da faculdade, a Prospect Street também chama a atenção de turistas cinéfilos. Isso porque foi no número 3600 que foi gravada uma famosa cena do filme O Exorcista.

A escadaria de concreto chamada de “exorcist steps” ou “Hitchcock steps” fica na Prospect, quase em frente à 36th st. NW e pode render fotos bacanas, além daquela sensação legal de conhecer um lugar que você já viu na telona antes.

Georgetown University

Também recomendo a visita à Georgetown University, não só porque eu estudei lá (rs), mas porque o prédio principal data de 1789, quando foi fundada pelos Jesuítas, ou seja, espera uma construção histórica com aquele estilo bem imponente.

Além do prédio principal, o campus todo é realmente muito bonito, com algumas pracinhas simpáticas entre os prédios de tijolos vermelhos. Vale para bater umas fotos legais e, dependendo do horário, dá até para entrar em algum prédio para ver como é uma tradicional universidade americana por dentro.

O campus da Georgetown University

O prédio principal do campus da Georgetown University

Georgetown Waterfront Park

Por fim, o Waterfront park é uma espécie de calçadão que fica na beira do rio Potomac e tem uma vista linda, além de alguns barzinhos/restaurantes. Durante o verão é possível ver também as pessoas que praticam esportes aquáticos no rio e barcos de turismo. No inverno, é instalada uma pista de ski.

Recomendamos terminar o passeio por ali, aproveitando para ver o pôr do Sol enquanto descansa do dia de caminhada.

Waterfront Park Georgetown em Washington DC

O Waterfront Park de Georgetown é o que mais se assemelha a um calçadão de praia em DC

Hotéis em Georgetown

Se a nossa descrição já foi suficiente para você se apaixonar por Georgetown, que tal se hospedar por ali? Em Georgetown não tem uma estação de metrô perto, mas diversas linhas de ônibus passam por ali e levam aos principais pontos da cidade, principalmente na Wisconsin Avenue. Andar de táxi ou carro por aplicativo também é super fácil, além de que você terá a vantagem de estar hospedado em um bairro delicioso!

Alto luxo, hotéis 5 estrelas

Se você quer ter a experiência de ficar nos melhores hotéis de Georgetown, recomendamos o Four Seasons e o Ritz-Carlton, que fica entre Georgetown e a região de Dupont Circle.

Luxo acessível, hotéis de 4 estrelas

Para quem não abre mão de luxo, mas procura uma experiência mais acessível, nossas dicas são o Fairmont Georgetown, que fica bem na M Street, e o Melrose Georgetown.

Bom custo X benefício

Por fim, é possível também se hospedar em Georgetown combinando a experiência de um hotel confortável com preços mais convidativos. O Hilton Garden Inn é o melhor exemplo disso.

O belíssimo pôr do Sol no Waterfront Park em Georgetown

O belíssimo pôr do Sol no Waterfront Park em Georgetown

Onde comer em Georgetown

Martin’s Tavern

Esse é um dos restaurantes mais antigos de Washington DC, se não for o mais antigo. O Martin’s Tavern foi fundado em 1933 e desde então acumula momentos históricos e frequentadores célebres. Todos os presidentes de Harry Truman a George W. Bush já comeram por ali. Este também é o lugar onde o JFK pediu a Jackie Kennedy em casamento.

Clyde’s

O Clyde’s começou como um saloon e até por isso tem como mote a frase “an american bar”. Hoje é uma ótima e tradicional opção para almoço e janta, com opções de ambientes fechado e aberto.

Fiola Mare 

Este é uma ótima opção para quem quer ter uma refeição de primeira com uma bela vista. O Fiola Mare fica no Georgetown Waterfront e a especialidade da casa são os frutos do mar. Uma experiência super interessante que eles oferecem é a possibilidade de jantar nos igloos.

Baked and Wired , Georgetown Cupcake e Levain Bakery

Três opções maravilhosas de lugares para comer cupcakes ou outras delícias. Vale escolher pelo menos uma delas para conhecer. Com mais tempo, que tal ir em todas e decidir qual é sua favorita? 


Resumindo: o gostoso é andar a pé por Georgetown e reparar nos pequenos detalhes da arquitetura das casas, ou conhecer as lojas e restaurantes.

Se você se interessa por história, talvez valha a pena fazer este passeio sobre espiões da guerra fria. Nele você vai passar pela taberna onde a CIA foi fundada e penetrada por espiões russos, entre outros locais!

Vai viajar?
É preciso planejar!

Planeje sua viagem utilizando os serviços dos parceiros abaixo. Você não paga nada a mais por isso, e ajuda o SV a continuar produzindo conteúdo de qualidade e gratuito. =)

Curadoria de viagem

Receba uma vez por mês em seu e-mail nossas dicas cuidadosamente selecionadas e as novidades do mundo das viagens.

Deixe seu comentário

    • Obrigada!!! =)
      Que coincidência, a Mari está no ônibus de DC pra NY agora mesmo também! Rs.
      No insta temos mais dicas também, pois a Mari mora lá!
      Procure a tag #SVemDC no insta @segredosdeviagem
      Beijos e boa viagem!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *