Cocktail (filme de 1988)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Cocktail (1988))
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Cocktail
Cocktail (PRT/BRA)
 Estados Unidos
1988 •  cor •  103 min 
Direção Roger Donaldson
Produção Ted Field
Robert W. Cort
Roteiro Heywood Gould
Baseado em Cocktail de Heywood Gould
Elenco Tom Cruise
Bryan Brown
Elisabeth Shue
Gina Gershon
Kelly Lynch
Lisa Banes
Laurence Luckinbill
Gênero comédia romântica
Música J. Peter Robinson
Cinematografia Dean Semler
Companhia(s) produtora(s) Touchstone Pictures
Silver Screen Partners III
Interscope Communications
Distribuição Buena Vista Pictures
Lançamento 29 de julho de 1988 (USA)
Idioma inglês
Receita US$ 171.504.781[1]

Cocktail (mesmo título em Portugal e Brasil) é um filme norte-americano de 1988, do gênero comédia romântica, dirigido por Roger Donaldson.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Um jovem é dispensado do serviço militar e aceita trabalhar como barman. Bem sucedido no novo trabalho, conquista belas mulheres.

Elenco principal[editar | editar código-fonte]

Trilha sonora[editar | editar código-fonte]

Cocktail (Original Motion Picture Soundtrack)
Trilha sonora de Vários artistas
Lançamento 2 de agosto de 1988 (1988-08-02) (USA)
Gravação 1987—88
Gênero(s)
Duração 35:27
Formato(s)
Gravadora(s) Elektra
Produção Brad Neufeld and Carole Childs
Singles de Cocktail (Original Motion Picture Soundtrack)
  1. "Kokomo"
    Lançamento: agosto de 1988 (1988-08)
  2. "Powerful Stuff"
    Lançamento: agosto de 1988 (1988-08)
  3. "Rave On"
    Lançamento: setembro de 1988 (1988-09)
  4. "Hippy Hippy Shake"
    Lançamento: outubro de 1988 (1988-10)
  5. "Wild Again"
    Lançamento: novembro de 1988 (1988-11)

Cocktail (Original Motion Picture Soundtrack) é a trilha sonora do filme Cocktail, lançado em 2 de agosto de 1988 pela Elektra Records em parceria com a Touchstone Pictures. A música original seria composta por Maurice Jarre. No entanto, suas composições são consideradas inconsistentes com o estilo e o enredo do filme. O estúdio então contratou J. Peter Robinson para substituí-lo. O álbum da trilha sonora contribuiu para o sucesso do filme. O disco contém canções de rock como ”Wild Again” do Starship que foi lançada como single da trilha sonora, inclui canções pop como ”Kokomo” dos Beach Boys, também lançada como single no mesmo ano, além de ritmo reggae como ”Oh, I Love You So” do Preston Smith.


Side One

01. "Wild Again" - Starship
02. "Powerful Stuff" - Fabulous Thunderbirds
03. "Since When" - Robbie Nevil
04. "Don't Worry, Be Happy" - Bobby McFerrin
05. "Hippy Hippy Shake" - Georgia Satellites

Side Two

06. "Kokomo" - Beach Boys
07. "Rave On" - John Cougar Mellencamp
08. "All Shook Up" - Ry Cooder
09. "Oh, I Love You So" - Preston Smith
10. "Tutti Frutti" - Little Richard

Outras músicas apresentadas no filme mas não entraram na trilha sonora:

11. "Shelter Of Your Love" - Jimmy Cliff
12. "Addicted To Love" - Robert Palmer
13. "This Magic Moment" - Leroy Gibons
14. "When Will I Be Loved" - The Everly Brothers
15. "Original Sin (Jumpin’ In)" - Think Out Loud
16. "Essential Sensual" - Wayne Roland Brown
17. "That Hypnotizin’ Boogie" - David Wilcox

Produção executiva: Brad Neufeld Supervisão musical: Carole Childs Fotografia de capa: Richard Corman

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

Originalmente, o compositor francês Maurice Jarre foi trabalhado com o cineasta australiano Roger Donaldson e foi composta pela primeira vez pelo filme. Mas o cineasta Donaldson disse que estás despedido e a composição de Jarre foi rejeitada. Mas, Jarre e Donaldson trabalhou anteriormente com o filme de suspense com o título Alta Traição (No Way Out) (1987). Agora, o compositor britânico J. Peter Robinson trabalha com Donaldson para compor o filme e substituir o Jarre.

Principais prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Applications-multimedia.svg A Wikipédia tem o

Globo de Ouro 1989 (EUA)

  • Indicado na categoria de melhor canção original (Kokomo).

Framboesa de Ouro 1989 (EUA)

  • Venceu nas categorias de pior filme e pior roteiro.
  • Indicado nas categorias de pior diretor e pior ator (Tom Cruise).

Referências

  1. «Cocktail (1988)» (em inglês). Box Office Mojo. Consultado em 10 de julho de 2013 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]