A façanha de Beyoncé que faz história na música country | VEJA
Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

O Som e a Fúria Materia seguir SEGUIR Seguindo Materia SEGUINDO

Por Felipe Branco Cruz
Pop, rock, jazz, black music ou MPB: tudo o que for notícia no mundo da música está na mira deste blog, para o bem ou para o mal
Continua após publicidade

A façanha de Beyoncé que faz história na música country

Com o hit 'Texas Hold'em' a cantora se tornou a primeira mulher negra a alcançar o primeiro lugar nas paradas do gênero dos Estados Unidos

Por Felipe Branco Cruz Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO Atualizado em 21 fev 2024, 17h18 - Publicado em 21 fev 2024, 17h09

Beyoncé bateu mais um recorde nesta semana ao se tornar a primeira mulher negra a ter uma música no primeiro lugar das paradas country nos Estados Unidos desde a sua criação, em 1958. Texas Hold’Em, que estará em seu novo álbum Act II, também conquistou o segundo lugar da Hot 100, atrás apenas de Lovin On Me, de Jack Harlow.

A música, no entanto, se viu no centro de uma polêmica nos Estados Unidos após rádios se negarem a tocá-la por não considerarem a cantora uma artista country. Foi preciso também um protesto dos fãs para que a gravadora Columbia Nashville passasse a promover a canção em rádios country.

A reação dos ouvintes da rádio, no entanto, foi a melhor possível e a música acabou sendo bem aceita por eles e passou a tocar ainda mais. O novo álbum de Beyoncé fará um resgate do country, um ritmo que surgiu com os negros e depois acabou sendo incorporado por artistas brancos.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.