Ana Maria Braga relembra relacionamentos de Ayrton Senna com Xuxa Meneghel e Adriane Galisteu - Estrelando
X

NOTÍCIAS

Publicada em 07/06/2024 às 12:36 | Atualizada em 07/06/2024 às 12:36

Ana Maria Braga relembra relacionamentos de Ayrton Senna com Xuxa Meneghel e Adriane Galisteu

A apresentadora recebeu convidados para falar sobre a vida do piloto

Da Redação

Divulgação

Nesta sexta-feira, dia 7, o Mais Você fez uma homenagem Ayrton Senna. Ana Maria Braga tomou café da manhã com o narrador Luís Roberto e com o jornalista Ernesto Rodrigues, que escreveu a biografia do piloto, que morreu em 1994. 

Logo no início, a apresentadora se emocionou ao ouvir Tema da Vitória, música que acompanhava Ayrton nas corridas. 

- Dá um nó na garganta só de escutar. Isso porque o nosso tricampeão mundial de F1... Eu não vou começar esse programa chorando, né? (...) Quando eu me dou o direito de escutar uma música que me lembra o Ayrton Senna, lembra minhas manhãs de domingo... Porque ele continua vivo na memória de todos. Mesmo depois daquele acidente fatal, durante o Grande Prêmio de Ímola, na Itália. Dia inesquecível: 1º de maio de 1994

Enquanto falava sobre a vida e história de Senna, Ana não pôde deixar de mencionar o namoro que ele teve com Xuxa Meneghel. Ela opinou que se não fosse a influência da empresária, talvez eles tivessem vivido um romance mais longo. 

 - A vida amorosa do Senna, todo mundo queria muito saber, então deu muito pano para manga na imprensa. A relação mais conhecida foi a minha amiga Xuxa, e o Brasil ficou apaixonado pelos dois. Começou em 1988. Ele passava cada minuto livre que ele tinha, está muito bem explicado isso, das corridas com ela. Durou quase três anos. A Xuxa é uma menina muito especial, realmente foi muito apaixonada por ele. O Senna realmente foi muito apaixonado por ela. Quem conviveu aqui, e agora posso dizer, se não fosse a Marlene Mattos eu acho que eles não teriam naquela época se separado, porque foi realmente uma pressão muito grande dela.

- Por tudo o que eu consegui apurar, eu acho que foi um momento em que os dois estavam com perspectivas diferentes, disse Ernesto.

- Um tinha que abrir mão, como que faz? Dois gênios da sua época, completou Luís.

A artista também mencionou o relacionamento que o piloto viveu com Adriane Galisteu e como ele agitou a mídia na época. 

- Ele seguiu a vida dele. Ele namorou outras pessoas, ele era um cara absolutamente normal, tinha namoradas em Portugal e as mulheres realmente ficavam muito encantadas com ele e não era para menos. Tinha outro namoro do Senna que agitou a mídia, porque a gente conhecia, que foi a Adriane Galisteu. Eles se conheceram em 1993, quando ela trabalhava como grid girl, a relação deles veio a público e as imagens monopolizaram a mídia da época. Pelo jeito, eles se gostaram muito. Inclusive, a Adriane foi a última namorada do Senna e parece que eles estavam morando juntos em Portugal nessa época.

Ernesto então listou as mulheres que, para ele, foram as que tiveram presença mais marcante na vida de Senna. 

- Tem a primeira, a Lilian, que foi um casamento. Foi uma pessoa que me deu uma entrevista muito boa e honesta. Teve uma importante que foi outra Adriane. Ela se chamava Adriane Yamin, que ele namorou jovem, adolescente, e de certa maneira manteve o namoro enquanto ia para a Europa. Teve a Xuxa e teve uma terceira muito importante, que era a Cristine Ferraciu, uma namorada muito discreta, filha de um almirante da marinha brasileira que namorou no período entre Xuxa e Galisteu. Viajou muito com ele, mas também chegou um momento em que ela pensou que também não era a vida que queria. E teve a Adriane, que eu acho que foi um momento realmente diferente da vida do Ayrton. Não que ele tenha rompido com a família, jamais falaria isso, mas foi um momento de emancipação dele. Ele começou a ficar mais relaxado, todo mundo que convivia com ele percebeu.

Deixe um comentário

Atenção! Os comentários do portal Estrelando são via Facebook, lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor, comentários impróprios poderão ser denunciados pelos outros usuários, acarretando até mesmo na perda da conta no Facebook.

Enquete

Qual dos últimos acontecimentos do mundo dos famosos mexeu mais com você?

Obrigado! Seu voto foi enviado.

Ana Maria Braga relembra relacionamentos de Ayrton Senna com Xuxa Meneghel e Adriane Galisteu

Ana Maria Braga relembra relacionamentos de Ayrton Senna com Xuxa Meneghel e Adriane Galisteu

13/Jul/

Nesta sexta-feira, dia 7, o Mais Você fez uma homenagem Ayrton Senna. Ana Maria Braga tomou café da manhã com o narrador Luís Roberto e com o jornalista Ernesto Rodrigues, que escreveu a biografia do piloto, que morreu em 1994. 

Logo no início, a apresentadora se emocionou ao ouvir Tema da Vitória, música que acompanhava Ayrton nas corridas. 

- Dá um nó na garganta só de escutar. Isso porque o nosso tricampeão mundial de F1... Eu não vou começar esse programa chorando, né? (...) Quando eu me dou o direito de escutar uma música que me lembra o Ayrton Senna, lembra minhas manhãs de domingo... Porque ele continua vivo na memória de todos. Mesmo depois daquele acidente fatal, durante o Grande Prêmio de Ímola, na Itália. Dia inesquecível: 1º de maio de 1994

Enquanto falava sobre a vida e história de Senna, Ana não pôde deixar de mencionar o namoro que ele teve com Xuxa Meneghel. Ela opinou que se não fosse a influência da empresária, talvez eles tivessem vivido um romance mais longo. 

 - A vida amorosa do Senna, todo mundo queria muito saber, então deu muito pano para manga na imprensa. A relação mais conhecida foi a minha amiga Xuxa, e o Brasil ficou apaixonado pelos dois. Começou em 1988. Ele passava cada minuto livre que ele tinha, está muito bem explicado isso, das corridas com ela. Durou quase três anos. A Xuxa é uma menina muito especial, realmente foi muito apaixonada por ele. O Senna realmente foi muito apaixonado por ela. Quem conviveu aqui, e agora posso dizer, se não fosse a Marlene Mattos eu acho que eles não teriam naquela época se separado, porque foi realmente uma pressão muito grande dela.

- Por tudo o que eu consegui apurar, eu acho que foi um momento em que os dois estavam com perspectivas diferentes, disse Ernesto.

- Um tinha que abrir mão, como que faz? Dois gênios da sua época, completou Luís.

A artista também mencionou o relacionamento que o piloto viveu com Adriane Galisteu e como ele agitou a mídia na época. 

- Ele seguiu a vida dele. Ele namorou outras pessoas, ele era um cara absolutamente normal, tinha namoradas em Portugal e as mulheres realmente ficavam muito encantadas com ele e não era para menos. Tinha outro namoro do Senna que agitou a mídia, porque a gente conhecia, que foi a Adriane Galisteu. Eles se conheceram em 1993, quando ela trabalhava como grid girl, a relação deles veio a público e as imagens monopolizaram a mídia da época. Pelo jeito, eles se gostaram muito. Inclusive, a Adriane foi a última namorada do Senna e parece que eles estavam morando juntos em Portugal nessa época.

Ernesto então listou as mulheres que, para ele, foram as que tiveram presença mais marcante na vida de Senna. 

- Tem a primeira, a Lilian, que foi um casamento. Foi uma pessoa que me deu uma entrevista muito boa e honesta. Teve uma importante que foi outra Adriane. Ela se chamava Adriane Yamin, que ele namorou jovem, adolescente, e de certa maneira manteve o namoro enquanto ia para a Europa. Teve a Xuxa e teve uma terceira muito importante, que era a Cristine Ferraciu, uma namorada muito discreta, filha de um almirante da marinha brasileira que namorou no período entre Xuxa e Galisteu. Viajou muito com ele, mas também chegou um momento em que ela pensou que também não era a vida que queria. E teve a Adriane, que eu acho que foi um momento realmente diferente da vida do Ayrton. Não que ele tenha rompido com a família, jamais falaria isso, mas foi um momento de emancipação dele. Ele começou a ficar mais relaxado, todo mundo que convivia com ele percebeu.