Harry Kane

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Harry Kane
Harry Kane
Harry Kane em 2018.
Informações pessoais
Nome completo Harry Edward Kane
Data de nasc. 28 de julho de 1993 (29 anos)
Local de nasc. Walthamstow, Reino Unido
Nacionalidade inglês
Altura 1,88 m
destro
Apelido The Hurricane
Informações profissionais
Clube atual Tottenham
Número 10
Posição centroavante
Clubes de juventude
1998–2001
2001–2002
2002–2004
2004
2004–2009
Ridgeway Rovers
Arsenal
Ridgeway Rovers
Watford
Tottenham
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
2009–
2011
2012
2012–2013
2013
Tottenham
Leyton Orient (emp.)
Millwall (emp.)
Norwich City (emp.)
Leicester (emp.)
00408 0(261)
00018 000(5)
00027 000(9)
00005 000(0)
00014 000(2)
Seleção nacional3
2010
2010–2012
2013
2013–2015
2015–
Inglaterra Sub-17
Inglaterra Sub-19
Inglaterra Sub-20
Inglaterra Sub-21
Inglaterra
00003 000(2)
00014 000(6)
00003 000(1)
00014 000(8)
00076 00(51)


2 Partidas e gols totais pelos
clubes, atualizadas até 12 de de novembro de 2022.
3 Partidas e gols pela seleção nacional estão atualizadas
até 21 de de novembro de 2022.

Harry Edward Kane[1][2] MBE (Walthamstow, 28 de julho de 1993) é um futebolista inglês que atua como centroavante. Atualmente defende o Tottenham.

Fez história com sua seleção ao ser o artilheiro da Copa do Mundo FIFA de 2018 e junto com a Seleção Inglesa chegar a semifinal desta Copa, algo que não conseguiam havia 28 anos.[3]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Início[editar | editar código-fonte]

Kane passou por diversos clubes da Inglaterra durante sua formação, incluindo o Arsenal, maior rival do clube que anos mais tarde o revelaria, o Tottenham Hotspur.[4]

Tottenham[editar | editar código-fonte]

Chegou aos Spurs em 2004, aos 11 anos, e na temporada 2009–10, atuando pela categoria Sub-18 do clube, alcançou a expressiva marca de 18 gols em 22 jogos.

2009–10[editar | editar código-fonte]

Nesta mesma temporada, foi promovido ao time principal do Tottenham, aparecendo no banco de reservas em algumas partidas da Copa da Inglaterra e da Copa da Liga Inglesa, como contra o Everton, em 27 de outubro de 2009,[5] e contra o Bolton, em 24 de fevereiro de 2010.[6]

2011–12[editar | editar código-fonte]

Após ser emprestado ao Leyton Orient, Kane fez sua estreia profissional pelo Tottenham no dia 25 de agosto de 2011, em jogo válido pelos play-offs da Liga Europa.[7] O jogo contra o Hearts, da Escócia, não traz boas memórias para o atacante, já que em sua estreia ele desperdiçou um pênalti. Nesta temporada, marcou também o seu primeiro gol atuando pelo Tottenham, na goleada por 4–0 sobre o Shamrock Rovers, em outro jogo válido pela Liga Europa.[8]

2013–14[editar | editar código-fonte]

Após mais três períodos de empréstimo, Kane ganhou algum destaque na segunda metade da temporada 2013–14, passando a ter chances como titular e marcando gols em jogos da Premier League, contra Sunderland, West Bromwich e Fulham.[9][10][11]

2014–15[editar | editar código-fonte]

O grande momento de sua carreira até hoje veio na temporada seguinte, 2014–15, num dérbi contra o Arsenal, partida sempre marcante por se tratar da principal rivalidade de Londres. O jogo foi realizado no dia 7 de fevereiro de 2015, e Kane comandou a vitória de virada sobre os "Gunners", marcando os dois gols do Tottenham na partida.[12] Ao final do jogo, o atacante chegou a se emocionar com os gritos da torcida em sua homenagem.[13] Terminou a Premier League como vice artilheiro com 21 gols, somente atrás de Kun Aguero.

2018–19[editar | editar código-fonte]

No dia 8 de junho de 2018, Harry Kane renovou seu vínculo junto ao Tottenham, cujo contrato anterior se encerrava em 2022 e passou a durar até 2024.[14]

No dia 2 de março de 2019 na 29ª rodada da Premier League no jogo contra o rival local Arsenal, Kane marcou o gol de empate da equipe após uma cobrança de pênalti e se tornou o maior artilheiro do derby com 9 gols,[15] superando Adebayor que tinha 8 feitos.

2019–20[editar | editar código-fonte]

Kane começou temporada muito bem visto que marcou 17 gols pelos Spurs em 25 partidas e na briga pela artilharia da Premier League, porém Kane sofreu lesão no tendão esquerdo durante a derrota para o Southampton, na rodada de Ano Novo da Premier League e e precisou passar por cirurgia.[16]

No retorno da temporada após suspensão devido a pandemia de COVID-19, Kane marcou seu 137º golo no Campeonato Inglês em seu jogo de número 200 ao derrotar o West Ham por 2 a 0 no Tottenham Hotspur Stadium[17]

2020–21[editar | editar código-fonte]

Harry Kane foi o artilheiro da Premier League, com 23 gols, além de ser o maior assistente, com 14 assistências. Contudo o Tottenham terminou sétimo lugar, com 62 pontos.[18]

2021–22[editar | editar código-fonte]

Harry Kane, que quase deixou o Tottenham no início da temporada de futebol, porém após negociações decidiu ficar no clube londrino, assim concluiu a temporada 2021/22, onde 50 partidas, com 27 gols marcados e dez assistências para seus companheiros.[19]

2022–23[editar | editar código-fonte]

No dia 20 de agosto em jogo da terceira rodada da Premier League, Harry Kane fez um golo e deu a vitória ao Tottenham, com isso, chegou à marca histórica de 185 golos pelo mesmo time no Campeonato Inglês superando a marca anterior de 184 golos de Sergio Agüero pelo Manchester City.[20]

Empréstimos[editar | editar código-fonte]

Leyton Orient[editar | editar código-fonte]

Em 7 de janeiro de 2011, Kane se mudou para o Leyton Orient por empréstimo até o final da temporada. Ele fez sua estreia na equipe em 15 de janeiro, entrando como um substituto para Scott Mcgleish no minuto 73 de um empate 1-1 contra o Rochdale. Ele terminou a temporada marcando 5 gols em 18 partidas.

Millwall[editar | editar código-fonte]

Em 29 de dezembro de 2011, Kane e Ryan Mason seu companheiro de equipe no Tottenham, concordaram em se juntar ao Millwall por empréstimo, de 1 de janeiro de 2012 até o final da temporada. Kane marcou 9 gols em 27 partidas, o que o levou a ser nomeado Jovem Jogador do Ano de Millwall em 2011–12. Sua série de gols marcados no final da temporada foi creditada por ajudar a elevar Millwall na tabela, longe da ameaça de rebaixamento naquela temporada.

Norwich City[editar | editar código-fonte]

Em 31 de agosto de 2012, Kane se juntou ao Norwich City por um empréstimo de uma temporada, fazendo sua estreia como substituto contra o West Ham. Kane sofreu uma lesão, quebrando um osso metatarso, no empate na Copa da Liga Inglesa contra o Doncaster Rovers, apenas em sua segunda aparição. O jogador de 19 anos passou por uma reabilitação no Tottenham, mas voltou a atuar em Norwich em 29 de dezembro de 2012, saindo do banco no intervalo, quando Norwich perdeu por 3 a 4 para o Manchester City. No entanto, como o Tottenham não foi capaz de aumentar suas opções de ataque durante a janela de transferências de janeiro, eles optaram por revogar Kane em 1 de fevereiro de 2013, quatro meses antes de seu retorno.

Leicester City[editar | editar código-fonte]

Vinte dias depois de ter sido chamado de volta ao Tottenham, Kane se juntou ao Leicester City pelo restante da temporada para ajudar no impulso do clube para a promoção automática do campeonato. Ele marcou sua estreia em casa com um gol contra o Blackburn Rovers em uma vitória por 3 a 0 em 26 de fevereiro de 2013. Ele fez 13 aparições no clube de East Midlands com 2 gols.

Seleção Inglesa[editar | editar código-fonte]

Kane contra a Colômbia nas oitavas de final da Copa do Mundo FIFA de 2018.

No dia 27 de março de 2015, Kane fez sua estreia na Seleção Inglesa, em um jogo contra a Lituânia que acabou no placar de 4–0. O jogador entrou aos 26 minutos do segundo tempo, e um minuto depois acabou marcando o quarto gol inglês.[21]

Foi convocado para disputar a Eurocopa 2016, participando de todos os 4 jogos da campanha inglesa na competição.[22]

Foi convocado para Copa do Mundo FIFA de 2018, e junto com sua seleção chegou a semifinal desta Copa, algo que não conseguiam a muitos anos.[3] Fez história ao ser o artilheiro da Copa do Mundo FIFA de 2018.[23]

Foi convocado para a Eurocopa de 2020, onde foi um dos grandes responsáveis por levar a Seleção Inglesa a sua primeira final de Euro, contra a Seleção Italiana, onde terminou como vice-campeã, perdendo nos penaltis por 3a2 após empate em 1a1 no tempo regulamentar.[24] Kane terminou a competição como vice-artilheiro com 4 gols em 7 jogos.

Estatísticas[editar | editar código-fonte]

Atualizado em 17 de setembro de 2022.[25]

Clubes[editar | editar código-fonte]

Equipe Temporada Campeonato
nacional
Copa
nacional
Competições
continentais
Outros
torneios
Total
Jogos Gols Jogos Gols Jogos Gols Jogos Gols Jogos Gols
Tottenham 2011–12 0 0 0 0 6 1 6 1
2012–13 1 0 1 0
2013–14 10 3 2 1 7 0 19 4
2014–15 34 21 8 3 9 7 51 31
2015–16 38 25 5 1 7 2 50 28
2016–17 30 29 3 4 5 2 38 35
2017–18 37 30 4 4 7 7 48 41
2018–19 28 17 3 2 9 5 40 24
2019–20 29 18 0 0 5 6 34 24
2020–21 35 23 6 2 8 8 49 33
2021–22 37 17 7 4 5 6 50 27
2022–23 13 10 0 0 5 1 9 11
Total 286 189 38 21 70 44 399 264
Leyton Orient 2010–11 18 5 0 0 18 5
Millwall 2011–12 22 7 5 2 27 9
Norwich City 2012–13 3 0 2 0 5 0
Leicester 2012–13 14 2 14 2
Total na carreira 342 203 45 22 68 44 2 1 462 281

Seleção Inglesa[editar | editar código-fonte]

Expanda a caixa de informações para conferir todos os jogos deste jogador, pela sua seleção nacional.

Sub-20
Sub-21
Seleção Principal

Títulos[editar | editar código-fonte]

Campanhas de Destaque[editar | editar código-fonte]

Tottenham
Seleção Inglesa

Prêmios Individuais[editar | editar código-fonte]

Artilharias[editar | editar código-fonte]

Recordes[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Dados pessoais de Harry Kane
  2. «Harry Kane» (em inglês). tottenhamhotspur.com. Consultado em 9 de fevereiro de 2015 
  3. a b «Artilheiro da Copa, Harry Kane lamenta eliminação na semi: "Estamos arrasados"». Globoesporte. Consultado em 28 de janeiro de 2019 
  4. «Harry Kane was on Arsenal's books before becoming cult hero for rivals Tottenham» (em inglês). dailymail.co.uk. 2 de janeiro de 2015 
  5. «Tottenham 2-0 Everton» (em inglês). news.bbc.co.uk. 27 de outubro de 2009 
  6. «Tottenham 4-0 Bolton» (em inglês). news.bbc.co.uk. 24 de fevereiro de 2010 
  7. «Tottenham 0-0 Hearts» (em inglês). news.bbc.co.uk. 25 de agosto de 2011 
  8. «Shamrock Rovers 0-4 Tottenham» (em inglês). bbc.com. 15 de dezembro de 2011 
  9. «Tottenham 5-1 Sunderland» (em inglês). bbc.com. 7 de abril de 2014 
  10. «West Brom 3-3 Tottenham» (em inglês). bbc.com. 12 de abril de 2014 
  11. «Tottenham 3-1 Fulham» (em inglês). bbc.com. 19 de abril de 2014 
  12. «Harry Kane brilha, faz dois e dá virada ao Tottenham contra o Arsenal». espn.uol.com.br. 7 de fevereiro de 2015 
  13. «Emocionado com torcida do Tottenham, Harry Kane chora após decidir clássico londrino». espn.uol.com.br. 7 de fevereiro de 2015 
  14. «Astro do English Team, Harry Kane renova contrato com o Tottenham até 2024». Globoesporte. 8 de junho de 2018. Consultado em 8 de junho de 2018 
  15. VAVEL.com (2 de março de 2019). «Lloris defende pênalti e Tottenham empata com Arsenal pela Premier League». VAVEL. Consultado em 2 de março de 2019 
  16. «Tottenham confirma lesão no tendão de Harry Kane, e Mourinho lamenta: 'Ele é insubstituível'». ESPN. Consultado em 20 de agosto de 2022 
  17. «Kane targets 200 English Premier League goals» (em inglês). muscatdaily. Consultado em 20 de agosto de 2022 
  18. «Fim da novela! Harry Kane declara que vai continuar no Tottenham: "100% focado"». GE. Consultado em 20 de agosto de 2022 
  19. «Tottenham abre conversas para renovar contrato de estrela do ataque». istoe. Consultado em 20 de agosto de 2022 
  20. «Harry Kane dá vitória ao Tottenham e chega à marca histórica no Campeonato Inglês». Estadão. Consultado em 20 de agosto de 2022 
  21. «Inglaterra x Lituânia - Eliminatórias da Eurocopa 2014-2015». globoesporte.com. Consultado em 5 de novembro de 2020 
  22. «Ronaldo, Kane e os melhores atacantes da UEFA EURO 2016 | Goal.com». www.goal.com. Consultado em 5 de novembro de 2020 
  23. Superesportes; Superesportes (15 de julho de 2018). [https://www.mg.superesportes.com.br/app/noticias/copa-do-mundo/2018/noticias/2018/07/15/copa-do-mundo,490118/com-seis-gols-kane-e-artilheiro-da-copa-e-repete-feito-de-lineker.shtml «Com seis gols, ingl�s Kane termina Copa como artilheiro e repete feito de Lineker»]. Superesportes. Consultado em 5 de novembro de 2020  replacement character character in |titulo= at position 20 (ajuda)
  24. «Jogo Itália 1 x 1 Inglaterra melhores momentos - Eurocopa, Final - tempo real». ge. Consultado em 30 de agosto de 2022 
  25. «Perfil de H. Kane». Soccerway. Consultado em 27 de fevereiro de 2022 
  26. «Men's PFA Young Player of the Year: Harry Kane». The PFA. Consultado em 27 de abril de 2016 
  27. «Premier League Team of the Year 2015». The PFA. Consultado em 27 de abril de 2016 
  28. «The PFA Premier League Team of the Year». The PFA. Consultado em 22 de abril de 2016. Arquivado do original em 8 de maio de 2016 
  29. «The PFA Premier League Team of the Year». The PFA. Consultado em 20 de abril de 2017. Arquivado do original em 21 de abril de 2017 
  30. «The PFA Premier League Team of the Year». The PFA. Consultado em 15 de maio de 2018. Arquivado do original em 22 de abril de 2018 
  31. «The 100 best footballers in the world 2016 – interactive» (em inglês). The Guardian 
  32. «Harry Kane» (em espanhol). Marca 
  33. «Kane leva artilharia da Premier League na melhor campanha do Tottenham em 54 anos - Trivela». Trivela. 21 de maio de 2017 
  34. a b «Kane vira o maior goleador da Premier League num ano e supera Messi em 2017». Globoesporte.com. 26 de dezembro de 2017 
  35. «Harry Kane iguala Lineker, é o artilheiro da Copa, e Ronaldo mantém marca impressionante». ESPN. 15 de julho de 2018. Consultado em 16 de julho de 2018 
  36. «Harry Kane é o melhor marcador de 2017». A Bola.pt. 26 de dezembro de 2017 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Harry Kane