Louvre restaura quadro que fez Henrique VIII se apaixonar por esposa; veja | História | Galileu

Por Redação Galileu

Ana de Cleves foi a quarta esposa do rei Henrique VIII, membro da dinastia Tudor que governou a Inglaterra entre 1509 e 1547. Viúvo, ele concordou com o casamento após ver um retrato da mulher — que, agora, foi restaurado e está exposto no Museu do Louvre, em Paris, na França.

A arte original é de Hans Holbein, pintor da corte que ficou responsável por retratar as pretendentes de Henrique VIII. Escolher Ana de Cleves como esposa foi uma sugestão de Thomas Cromwell, conselheiro do rei. O objetivo era formar uma aliança com o ducado protestante de Cleves, segundo explica a revista Smithsonian Magazine.

A pintura foi feita em 1539. Ela representa de Cleves utilizando um vestido vermelho de veludo e acessórios na cabeça, no pescoço e nas mãos, em um fundo azul. Depois de ver o retrato, Henrique VIII teria se apaixonado.

A obra de arte está no Louvre desde 1793. No entanto, apenas recentemente foi alvo de um grande trabalho de conservação e limpeza. A pintura pode ser observada na sala 811 da ala Richelieu, conforme consta em post do Instagram da instituição:

Antes da restauração, o quadro parecia mais “apagado”, com o fundo mais esverdeado do que azulado e o vestido mais amarronzado. Agora, as cores aparentam estar mais vívidas.

Pintura antes (à esquerda) e depois (à direita) da restauração — Foto: Reprodução/Museu do Louvre
Pintura antes (à esquerda) e depois (à direita) da restauração — Foto: Reprodução/Museu do Louvre

Apesar de ter se impressionado com Ana de Cleves pela pintura de Holbein, Henrique VIII teve uma decepção quando encontrou a mulher pessoalmente em 1540. Ela não seria tão encantadora quanto ele havia imaginado: conforme conta a historiadora Tracy Borman, o soberano ficou chocado ao descobrir que a mulher era “alta, de ossos grandes e feições fortes”.

Mesmo assim, o casamento ocorreu – e, seis meses mais tarde, foi anulado. O monarca alegou que a união "permaneceu sem consumação seis meses depois", segundo a Smithsonian Magazine.

Mais imagens detalhadas da restauração de Ana de Cleves podem ser conferidas no site do Museu do Louvre.

Mais recente Próxima Além de Kate Middleton: 6 casos históricos de "sumiços" na realeza
Mais de Galileu

Construção de 2.000 anos está ameaçada de desaparecer devido ao aumento do nível do mar na região

Santuário grego de 2 mil anos pode ser engolido pelo mar neste século

Após atingir seu ápice em 2021, a concentração de HCFCs na atmosfera diminuiu quase 1% em 2023. Mesmo discreta, queda representa avanço importante

Nível de gás que causa efeito estufa está (aos poucos) diminuindo na atmosfera

Áreas florestais remotas são ocupadas por traficantes em um movimento que afeta biodiversidade local; estudo aponta a responsabilidade das políticas antidrogas

Narcotráfico ameaça dois terços dos habitats de aves na América Central

Equipe liderada por brasileiro acredita que, a partir da avaliação dos espécimes, será possível desvendar o passado evolutivo do grupo de peixes com nadadeiras raiadas

Peixes do Paleozoico no Brasil têm partes do coração e olhos preservados

Após cheias como as do Rio Grande do Sul, as duas doenças podem coexistir e infectar simultaneamente a população; orientação é procurar atendimento médico para o diagnóstico correto

Saiba como diferenciar os sintomas de dengue e de leptospirose

Comprado no bairro do Bixiga, em São Paulo, quadro do século 18 contém uma misteriosa pintura oculta; conheça a história do herdeiro da obra-prima

Brasileiro herda obra de Meléndez e descobre que ela vale R$ 500 milhões

A partir dos dados coletados junto aos tripulantes civis da missão Inspiration4, pesquisadores desenvolveram mais de 40 artigos sobre os diferentes efeitos do espaço na saúde humana

Como ir ao espaço mudou o corpo de 4 turistas espaciais, segundo estudo

Ação faz parte de programa do governo francês que devolve aos donos peças de arte roubadas durante a invasão do país na 2ª Guerra Mundial

Pinturas saqueadas por nazistas retornam a família judaica – e são doadas ao Louvre

Disponível através de um perfil no Instagram, a nova tecnologia tem o objetivo de promover discussões sociais e étnico-raciais

Chama a Deb: Conheça a IA brasileira que tira dúvidas sobre igualdade racial

Lista traz romances clássicos da literatura brasileira e coletâneas de crônicas e contos menos conhecidos do escritor. Preços vão de R$ 12 a R$ 168

Além de "Memórias Póstumas": 7 obras para conhecer Machado de Assis